Ir para o conteúdo

Prefeitura de Itaporanga
Acompanhe-nos:
Rede Social Twitter
Rede Social Facebook
Rede Social Youtube
Turismo
ABADIA DE NOSSA SENHORA DA SANTA CRUZ
Pontos Turisticos
A construção foi executada em grande parte pelos próprios monges alemães, assim como a fabricação de tijolos para a obra, confeccionados na olaria do Bairro Mosteirinho
Sobre o local

Itaporanga, a Pedra Bonita

 

Fundada em 21 de agosto de 1845, Itaporanga teve sua história e desenvolvimento voltados à agropecuária. Hoje, com a conquista do MIT (Município de Interesse Turístico), a cidade passa a explorar suas riquezas naturais, culturais e religiosas, atraindo turistas de todos os lugares para a Abadia de Nossa Senhora de Santa Cruz, suas capelas e grutas, tradições indígenas da aldeia Tekoá Porã, a bela Represa de Chavantes que banha os bairros São Sebastião, Santo Antônio, São Cristóvão e Remédio, e o Morro do Defunto e seus paredões de pedra e cavernas.

A história de Itaporanga está ligada à figura do Barão de AntoninaJoão da Silva Machado, senhor de extensas sesmarias no norte do Paraná e sul de São Paulo. A ocupação de suas terras foi marcada pelo trabalho de catequização dos índios caingangues que as habitavam. Para esta tarefa, solicitou a presença de padres capuchinhos vindos da Itália com a intervenção de dom Pedro II, em 1843.

Ao Frei Pacífico de Montefalco, coube à zona do Rio Verde, área demarcada pela confluência dos rios Verde e Itararé. Em 21 de agosto de 1845, o frei fundou o núcleo populacional do qual nasceria o município de Itaporanga, erguendo uma capela e uma casa rústica no meio da mata.

O antigo povoado, chamado "São João Batista do Rio Verde", foi elevado a freguesia do município de Itapeva (município este então conhecido como "Faxina") em 5 de março de 1855 e, em 6 de março de 1871, foi elevado a vila, separando-se de Itapeva. Foi elevado a cidade em 11 de junho de 1898. Em 21 de junho de 1899, o nome do município foi alterado de "São João Batista do Rio Verde" para "Itaporanga", termo de origem tupi que significa "pedra bonita", através da junção dos termos itá (pedra) e porang (bonito).

 

ABADIA DE NOSSA SENHORA DA SANTA CRUZ

 

O Mosteiro de Itaporanga foi fundado em 5 de agosto de 1936 por Dom Atanásio Merkle e Ir. Lucas Mertens, monges da Abadia de Himmerod na Alemanha, então ameaçada pelo regime nazista.

A construção foi executada sob a direção do Ir. Nivardo Nüdling, tendo a mesma sido realizada com os tijolos fabricados na Olaria do Mosteiro, então dirigida por Ir. Lucas Mertens, situada no Mosteirinho de São José, uma propriedade rural dos cistercienses a 7,5 km a oeste da cidade. A ala frontal do Mosteiro foi inaugurada em 20 de agosto de 1943.

Referente à construção da Igreja Abacial e Paroquial de São João Batista, a pedra fundamental foi lançada em 29 de novembro de 1959, com a presença do Bispo Diocesano de Sorocaba, D. José Carlos de Aguirre. O projeto é do renomado arquiteto alemão, Dr. Albert Bosslet.

Os monges cistercienses de Itaporanga, além de suas atividades próprias da vida monástica, como a Liturgia das Horas (recitação de Salmos), se dedicam também ao cuidado pastoral da Paróquia de Itaporanga e de Riversul desde 1936, além de realizarem trabalhos agrícolas e pecuários, como o cultivo da soja e  a bovinocultura leiteira, respectivamente.

Acolhimento de hóspedes

A hospedaria do Mosteiro está à disposição dos que desejam vivenciar um momento de recolhimento e de oração. (O período de hospedagem deve ser previamente combinado).

Contato:
Av. Santa Cruz, 249 – Caixa Postal 52, Cep. 18.480-000, Itaporanga – SP | Tel e WhatsApp - (15) 3565-3544 | site – www.abadiaitaporanga.org.br | Facebook, YouTube e Instagram - @abadiadeitaporanga
Seta
Versão do Sistema: 3.2.2 - 02/05/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia